sábado, 30 de abril de 2011

Coração




Se o meu ,
Amasse o seu ,
Como o seu ,
Ama o meu ,
Os nossos dois ♥♥,
Seriam unidos
Em um só .

Pão







É mais fácil viver sem pão,
Do que sem ilusões.

Pessoa



Se chovesse dia e noite,
Nunca a pessoa que ama,
Estava junto da pessoa amada,
Por isso, é tudo controlado.

sexta-feira, 29 de abril de 2011

quinta-feira, 28 de abril de 2011

Beleza





Se és rica, se és bela,
És cúmulo de beleza,
Mas o coração que ama,
Não se ilude à riqueza.

Vontade



Você não é Sonho de Valsa,
Mas, ah...
Que vontade que dá!

Avião





Eu quero ir para o céu,
Nem que seja de avião;
Quero perguntar a meu Deus
Se quem ama tem perdão.

quarta-feira, 27 de abril de 2011

Coração







Aqui vai meu coração,
Ele vai te visitar,
Como lá não posso ir,
Mando ele em meu lugar.

Descobrir



Se o mar fosse tinta,
E o céu fosse papel,
Ainda seria pouco
Para você descobrir
O quanto te amo.

Português





Je t'aime em francês,
I love you em inglês,
Para dizer a verdade,
Te amo em português.

terça-feira, 26 de abril de 2011

Rosas







Gosto de rosas brancas,
Por ser uma linda cor,
Gosto do meu sogro,
Por ser o pai do meu amor.

Cofre







O coração é um cofre
Onde guardaremos
As mais belas recordações.

Esquecimento





Não deixe o barco,
Do nosso amor naufragar,
No mar do esquecimento.

segunda-feira, 25 de abril de 2011

Natureza





A natureza em tudo,
É um cântico de amor;
O sol, em cada manhã,
É uma explosão de luz.

Amor







O amor?
Palavras antes,
Palavrinhas enquanto dura,
Palavrões depois.

Beijar






O homem beija para amar;
A mulher ama para beijar.

domingo, 24 de abril de 2011

Palavra





Amor é a palavra linda,
Mais lindo é ser amada;
Como é triste esta vida,
Amar e ser desprezada.

Paixão





Com A escrevo Amor,
Com F escrevo Felicidade,
Com P escrevo Paixão,
Dentro do meu coração.

Letra





Eu sofro pela letra...
Por ela sofro e choro,
Com ela escrevo o seu nome,
Querida que mais adoro.

sábado, 23 de abril de 2011

Passarinho





Passarinho que voa muito,
Um dia perde seu ninho;
Rapaz que namora muito,
Um dia fica sozinho.

Tempo









O pássaro perde a pena voando,
O peixe, a escama nas águas,
E eu perco o meu precioso tempo,
Amando quem não me ama.

Fruto







A folha quando ama,
Torna-se flor;
A flor quando ama,
Torna-se fruto.

sexta-feira, 22 de abril de 2011

Miau





— Ai que gata!... Nada mau!
— Ai que tremendo gatão!...
E os dois se casaram... Miau!
Depois só veio arranhão!

Poema



O amor é um poema inteiro,
Na vida de uma mulher:
Ao passo que é simplesmente,
Um episódio na vida do homem.

Flor





O amor é:
Uma flor azul,
Que nasce no coração,
De qualquer um.

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Solteiros



Subi na caixa d'água,
Para ver o peixe nadar;
Os casados têm ciúme,
Dos solteiros namorar.

Coração







O coração nasceu mudo,
Deus fê-lo assim de prudente,
Para que não conte tudo,
O que vai dentro da gente.

Semente







A flor se planta,
Da semente que ela nasce,
Quanto mais a gente ama,
Mais o amor amanhece.

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Deus



Deus escolheu com primor
As mais belas cores e formas
E criou com amor
A fauna e a flora.

Pétalas







Uma rosa tem muitas pétalas
Em todas elas um dizer
Numa delas está escrito:
"Eu amo somente você."

Saudade







Esta palavra "saudade",
Aquele que a insultou,
A primeira vez que a disse,
Com certeza chorou.

terça-feira, 19 de abril de 2011

Homem







Homem e medicamento,
São substâncias iguais,
Tomando pouco não cura,
Mata tomando demais.

Trem





O amor é um trem,
Dia a dia saindo do coração...
Quando o trem nunca devia
Ter saído da estação!

Estrela

Qualquer dia me transformarei
Em uma estrela cadente,
E levar você comigo,
Neste amor eterno e quente.

Espada



Vale mais uma espada de dor,
Do que um amor traidor.

Lencinho





Tenho um lencinho branco, 
Bordado de A B C;
O dia que não te vejo,
Nem água posso beber.

Cabana







Não exijas um pálacio,
Se é feliz numa cabana.

Casamenteiro







Santo Antônio, casamenteiro,
Que já casou muita gente,
Vejam só, morreu solteiro...
Que santinho inteligente!

Anel





O anel que tu me deste,
Era de vidro e quebrou,
A ditosa infância minha,
Era curta e se acabou.

Gangorra



Meu coração é uma gangorra,
De balançar não se cansa,
De um lado pesa a saudade,
Do outro a esperança.

Chuva







Saudade: horas deitosas,
Que o tempo mal nos levou;
Pingos que ficam nas rosas,
De uma chuva que passou.

Barquinho





Mandei fazer um barquinho,
Todo de ouro e cristal,
Para nós dois navegarmos,
Nos rios de Portugal.

Eternidade









Amo você e as rosas,
Com muita sinceridade,
As rosas para um dia,
E você para a eternidade.

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Alguém





O rei nasceu no trono,
O peixe nasceu no mar,
Alguém nasceu...
Somente para te amar.

Estudante





Amor de estudante,
É uma porcaria,
Começa na sala
E termina na secretaria.

Irmãos





Nasce nesta vida,
Mais um pobre coração,
Não há amor mais lindo,
Que o amor de dois irmãos.

Tesouro





A criança que procura
Um bom livro para ler,
Encontra nas suas páginas,
O tesouro do saber.

Sentimento



Amor, eterno sentimento
Sentimento cheio de ternura,
Na juventude é poema,
Na velhice é saudade.