quinta-feira, 29 de setembro de 2011

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Rosas



Não há nada neste mundo,
Entre mil coisas preciosas,
De um encanto mais profundo,
Mais amável do que as rosas!

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Avião







Avião sem asa...
Fogueira sem brasa...
Sou eu...
Assim sem você!

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Natureza





A natureza é 
O único livro que oferece
 Um conteúdo valioso
Em todas as suas folhas.

domingo, 25 de setembro de 2011

Coração







Com todo o meu coração
Para alguém que fez
Dos meus sonhos
A mais doce realidade.

sábado, 24 de setembro de 2011

Rosa









Que coisa é amor, afinal,
Em resumo e em sua essência,
Se não a rosa total
Que nos perfuma a existência?

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Nome





Gosto do teu lindo nome,
Te amo e ti quero bem,
Confesso que meu amor,
É teu e de mais ninguém.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Crise





Qualquer que seja
A crise em tua vida,
Nunca destruas 
As flores da esperança,
E colherás os frutos da fé.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Árvore







Se os abraços fossem folhas
Eu te daria uma árvore,
Se a vida fosse um planeta
Eu te daria uma galáxia.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Anos







Aos 18 anos, adoramos;
Aos 20, amamos;
Aos 36, desejamos;
Aos 40, refletimos.

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

Perfume





Não é um aroma comprado
Que embriaga talvez você...
Ele é um perfume sagrado
De uma flor que não se vê.

domingo, 18 de setembro de 2011

Rosas





É fugaz demais a vida...
Pede as rosas que te contem
Como a pétala caída
Foi botão que se abriu ontem!

sábado, 17 de setembro de 2011

Eu te amo





Eu te amo é fácil dizer
Nas horas boas, felizes...
Quando acabar o prazer
Quero ver o que me dizes!

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Amor







O amor é a celeste luz
Para todos os caminhos;
É a vida vencendo a cruz,
É rosa vencendo espinhos.

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Saudade





Segunda lei milenar
Matar é crime também,
Mas como é belo matar
Tanta saudade de alguém.

quarta-feira, 14 de setembro de 2011

Aprende





Quando não se aprende
Através do amor,
Aprende-se através da dor.

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Caminhos










Só os caminhos invisíveis do amor,
É que libertam o homem.

segunda-feira, 12 de setembro de 2011

domingo, 11 de setembro de 2011

Amor





Amor, brisa que confortas
E refrescas nossos dias;
Levas nossas folhas mortas
E as novas acaricias.

sábado, 10 de setembro de 2011

Amor





Amor é vida ofertada,
Totalmente oferecida:
Ninguém dá a bem-amada,
Meia rosa ou meia vida!

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

Sol





A saúde é para o homem,
Oque o sol é para as plantas.

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

Adeus



Dizem que "adeus" tem espinhos
Com reticência de dores...
Eu só deixo em meus caminhos
A reticência das flores.

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Amadureça





Espera que amadureça
O fruto do amor, é cedo...
Se colhes um fruto verde,
Verás como é duro e azedo.

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Rosa









É rosa mesmo sem par...
Uma só, não dez, nem cem!
Esta flor tão singular
É o amor que a gente tem!

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Amor







O amor é um dom
Que Deus plantou
Na intimidade mais profunda 
Do coração do homem.

domingo, 4 de setembro de 2011

Fotografei





Fotografei todas elas
A luz de um céu bem aberto
E, neste livro, assim belas,
Em ramalhete as oferto!

Jardim





Cada vez fico mais certo,
De tanto cuidar de flor:
Meu jardim é um livro aberto
Em que Deus fala de amor.

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Depende





Depende apenas de mim,
Ser bondoso ou ser mesquinho,
Ser deserto ou ser jardim,
Ser a rosa ou ser o espinho!

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Amor







A vida é bela...
O amor também...
E nela...
Nós vivemos bem...